30 de set. de 2023

563) Uma Falha tem a sua Própria Jornada


Uma Falha não pode ser Compensada com nada além Dela mesma
Mônica Clemente (Manika)

Quando há uma falha, tendemos a preenchê-la com algo. No mundo físico, quanto mais este algo for parecido com o material no qual a falha apareceu, melhor fica o remendo. 

Na alma, também. 

No entanto, a alma não tem falhas, mas isso não significa que ela seja perfeita, nem que não tenha seus desígnios a cumprir por meio das falhas que lhe dão espaço para surgir. O problema é que achamos falha nela o tempo todo, porque a confundimos com comportamentos e desejos insatisfeitos. 

Assim, os preenchemos com uma tremenda negação de quem somos, por exemplo. Ou com culpa e expiações intermináveis, ao invés de um convite para melhorar. 

Da mesma forma, os desejos insatisfeitos de parceria amorosa, realização vocacional, maternidade, paternidade, criatividade etc. podem ser confundidos com alguma falha intrínseca da alma, ao invés da abertura pela qual ela vai se manifestar. 

No final, a verdadeira falha não está na alma, mas a anseia por meio do comportamento falho e dos desejos insatisfeitos, que só podem ser preenchidos com o que lhes faltam. 

Por isso, uma parceria de amor não realizada não consegue ser preenchida com a negação deste desejo, nem com 24 horas de trabalho. Só com a própria falta que guarda um espaço para o totalmente outro se chegar. 

A criatividade bloqueada não se preenche com a ira desenfreada. Só com o papel em branco que lhe dá um caminho jamais percorrido para algo realmente criativo se apresentar. 

A maternidade ou paternidade não realizadas não se completam criando dezenas de desafios. E não se substituem plantando árvores ou com obras criativas, mas no próprio feminino ou masculino que têm esta potencialidade geradora sem que nada possa diminuí-los. 

A pergunta, então, é a seguinte: para que serve tantas exigências e autocríticas para preencher uma “falha” cheia de solução? 

Deixo ela atuar… 

Mônica Clemente (Manika)
@manika_constelandocomafonte

PS: quando eu escolhi a imagem desta postagem, eu sabia que meu inconsciente estava me avisando que meu papai ia seguir sua jornada. Eu ia escolher outra, mas entendi que foi a alma dele me avisando. Então deixei, porque é amor.

#desejo #criatividade #maternidade #paternidade #falha #Alma 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

586) O Anjo da Guarda em seu Mapa Astral

  O Anjo da Guarda em seu Mapa Astral Mônica Clemente (Manika)   Você sabia que existe um “anjo da guarda” em seu mapa astral? Uma for...