10 de dez. de 2021

396) As 4 Posturas do Constelador Familiar Mais 1

 


As 4 Posturas Necessárias do Constelador Familiar, segundo Bert e Sophie Hellinger, são:


1. Sem intenção (de ajudar ou mudar a realidade).

2. Sem medo (do que vai acontecer e do que pensarão sobre o constelador).

3. Sem Pena (todos têm sua força. Ninguém é tratado como vítima).

4. Sem Amor (pessoal, o que impede de sermos acessado pelo Amor do Espírito, que vê além das polaridades).

E, segundo Bert Hellinger, ainda tem mais uma postura:

5. Sem Teoria (aguardamos, esvaziados, até que algo se revele).

Quem faz sua constelação encontra este ajudante, que não o tratará como vítima das circunstâncias (sem pena), nem tomará partido (sem amor).

Que vai até onde é permitido (sem intenção) e que não tem medo do que vê e pensam sobre ele.

Por quê?

Porque o Constelador não pode fazer nada, só esperar, até que um outro Amor alce a todos além das polarizações e una o que foi separado, mostrando o novo passo jamais imaginado.

Isso é muito novo e bem antigo!

O Amor não polarizado, no meio da polarização extrema, já estava no Mahabharata, épico sagrado indiano.

Em sua saga espiritual, Pandavas e Karauvas, mesmo sendo parentes e devotos de Krishna, estavam se matando por um reino.

Na tradição yogui, esta guerra representa a luta do eu espiritual (Arjuna) contra as suas 1000 propensões mentais (guerreiros que enfrenta), antes da liberação total ou iluminação (sua conexão com Krishna, o condutor da sua carruagem).

E também fala do Amor não polarizado do Krishna pelas duas facções da mesma família, mesmo que elas estivessem em guerra.

Quem busca sua constelação, se defronta com seus exércitos interiores, como Arjuna, no Mahabratra.

E faz isso com a ajuda de um o Amor Superior, que ninguém pode controlar.

Por isso, sem intenção, sem medo, sem pena, sem tomar partido (amor) e sem o que já sabíamos (teoria).

Mônica Clemente (Manika)



#Familienstellen #ConstelaçãoFamiliar #QuatroPosturasDoConstelador #SophieHellinger #BertHellinger #Fenomenologia #Mahabharata #Arjuna #Krishna #AmorDoEspírito #Polarizações #Guerra #Paz #Yoga

Nenhum comentário:

Postar um comentário

456) Olhos da Percepção - Fenomenologia Hellingeriana

  Ilustração de Charlotte Edey Olhos da Percepção   - Fenomenologia Hellingueriana Mônica Clemente (Manika) Por que deixamos as imagens fa...