29 de nov. de 2021

390) Amores Escondidos em Problemas Dífíceis

 


Há amores escondidos nos problemas díficeis. Por isso, nos sentimos tão atraídos e vinculados aos problemas, sem conseguirmos nos desligar deles. Este magnetismo é o que movimenta uma Constelação Familiar.

 

Aquilo que dói “egocentricamente” (porque achamos que a dor é só nossa), preserva um laço de amor que pertence a todo o sistema familiar.

 

Até que a gente o veja, permanecerá como um amor cego buscando ser visto por meio das nossas questões.

 

O amor declarado, portanto, é sempre uma imagem de libertação. 

 

Não do laço, mas da “missão secreta” de relembrá-lo inconsciente através dos contratempos.

 

Por isso o Hellinger dizia, mais ou menos assim: olhe além da sua questão, ultrapassando-a, até encontrar a pessoa ou pessoas que precisam ser vistas e incluídas. 

 

Às vezes elas estavam bem debaixo do nariz. Como um filho perdido precocemente ou um casamento não concluído. 

 

Outras vezes, era um amor que nem sabíamos, de outra geração. 

 

Por exemplo, numa Constelação Familiar onde aparecia uma guerra, era preciso olhar para os mortos, dos dois lados do conflito…, 

 

…com amor.

 

E assim, a Constelação Familiar vai unindo o que foi separado.

 

Não porque ela mesma faça isso, mas porque existe este amor além das nossas simpatias atuando em cada esquina. 


Mônica Clemente (Manika)

 

#JamesHillman #BertHellinger #AmorCego #AmorQueVê #MovimentoDoAmor

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

415) Diversidade é uma Regra da Natureza

  Ilustrações:  @Lainey.Molnar Diversidade é uma Regra da Natureza Mônica Clemente (Manika)   Ele tem um Matisse, uma cobertura e foto...