25 de nov. de 2021

388) Prazer, me chamo Mônica

   


Muito prazer, meu nome é Mônica Clemente.

 

Algumas pessoas me conhecem como Manika.

 

Na época em que recebi este nome, marcando a iniciação no yoga que praticava desde os 14 anos, eu mudava a trajetória da minha vida. 

 

Ou ela mesma tentava me fazer mais humana, já que como atriz fui tomada pelas vozes ancestrais e a humanidade de tanta gente nas tragédias gregas e peças teatrais que encenava.

 

Foi nesta transição que comecei a trabalhar com yogaterapia, astrologia e terapia floral (1990 - 2007).

 

Mais tarde, em busca de um grupo acadêmico para aprofundar minha compreensão sobre autoconhecimento e espiritualidade, encontrei o NIETE (Núcleo Interdisciplinar de Estudos Transdisciplinares da Espiritualidade) na UFRGS, onde fiz o mestrado em Educação (2002-4).

 

Mesmo passando direto para o doutorado em Educação, o que me deixou muito grata a minha orientadora, banca e professores, senti a necessidade de fazer o doutorado em Ciências da Saúde (FIOCRUZ - 2007-10), realizando a vocação da minha formação como Educadora Física, híbrida por natureza.

 

Híbrida como é a natureza. 

 

E este era o pressuposto das minhas pesquisas sobre a jornada humana através do corpo. 

 

No caso, um corpo visto pelo Yoga, como fenômeno pluridimensional, atravessado por outros seres, artes, símbolos e sentidos.

 

A conclusão foi a de que somos, desde sempre, um híbrido do amor dos nossos pais, da natureza, das relações, da cultura e dos laços que nos constituem.

 

E eu só me toquei das conexões sutis entre o corpo e as relações humanas por conta da obra inovadora de Bert Hellinger, chamada Constelação Familiar (2004)

 

De lá em diante me tornei Consteladora Familiar pela ABC Sistemas (2008) e pela Hellinger Schule (2013-2021), escola oficial da Constelação Familiar Original Hellinger.

 

Um dia, em uma das aulas, o dr. Rüdiger Rogoll salientou o parentesco da Constelação Familiar com as tragédias gregas.

 

De fato! O Teatro é onde o espectador é convidado a ter uma experiência intensa, envolvente, meditativa, inquiridora, a fim de descobrir o significado mais profundo de si mesmo, em mais de uma forma ou sentido.

 

E a Constelação Familiar radicaliza esta experiência porque o expectador vira o protagonista da sua vida.

 

Graças a ela, criei entre 2004-8 a

 

@Astrofenomenologia


E as 

@Constelacoes_Mitologicas 

 

Tudo isso graças à minha família, amigas, professoras, orientadoras, mestres, acarya, terapeutas, colegas e anjos que me ajudaram no caminho.


E tudo isso só serve se eu continuar a desenvolver a minha humanidade. Com o que meu coração e os encontros me ensinarem sobre isso.

 

#Teatro #Yoga #Mitologia #Familienstellen



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

393) O Triângulo Amoroso e o Despertar dos Amantes - Live

  O Triângulo Amoroso e o Despertar dos Amantes Live com Elisabeth Battista e Mônica Clemente   A maioria dos romances de cinema começ...