14 de out. de 2020

196) Formação em Constelação Familiar Original Hellinger

 

 

Na foto, Bert Hellinger (segurando um rapaz em seu colo) durante uma Constelação Familiar. O Joel Weser, um dos nossos professores, está atrás. 

Qualquer explicação sobre Constelação Familiar aplicada em qualquer área que a chame de ferramenta ou técnica não a descreve com exatidão.  A visão mecanicista do mundo acredita em chaves de fenda para consertar o humano. E a Constelação não é mais uma caixinha de ferramentas. 

Ela é uma postura diante da vida que segue o caminho fenomenológico do conhecimento.  A fenomenologia - postura filosófica que leva o facilitador da Constelação aos princípios da vida e das relações humanas - não pretende consertar nada, mas deixar que algo atue até uma solução ser revelada. Leva anos para chegar aí. 

A melhor maneira de aprender é estar presente, vendo e vivenciando quem está atuando nesta postura. Deixando a realidade atuar sobre si. Por isso, quem quer realmente aprender Constelação Familiar Original Hellinger (Familienstellen) deve procurar a Fonte dela e não se preocupar quando estará pronto. Demora anos, mesmo que a gente se forme em 3, e é um treino eterno, porque nunca termina onde ela nos leva. 

Não existe “me formei em Constelação e estou pronto”. Um dia o mesmo Campo que acessamos na Constelação Familiar nos avisa que passo dar até virar constelador. 

Se você quer ter esta experiência humana e não mecânica, procure uma formação na escola original da Constelação Familiar, ela está no Brasil e na Alemanha. Ela se chama Hellinger Schule e tem os professores que estão com o Bert e a Sophie Hellinger - criadores da Constelação - há anos, desde o início.  

 

#HellingerSciencia #HellingerSchule #AFontedaConstelaçãoFamiliar #BertHellinger #SophieHellinger #FilosofiaAplicada #ApoiaÀVida #AquiloQueUneOQueFoiSeparado #Fenomenologia #posturafenomenológica

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

205) Mudando os Scripts de Vida

  É possível mudar um “Script de Vida”? O script é um drama inconsciente, repetitivo, nos conduzindo interiormente por caminhos que não qu...