8 de out. de 2020

192) Amor Próprio

 


Quando nos perguntamos “por que as coisas são assim comigo?”, não encontramos a solução, nem a explicação, mas várias maneiras de nos criticar, disfarçadas de desenvolvimento pessoal.

 

Da próxima vez que quiser ficar se julgando, lembra do Espírito da Profundeza que disse para o Jung amar, até o que ele não entendia nele mesmo.

 

#LivroVermelho #Jung #DesenvolvimentoPessoal #SaúdeIntegral



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

334) O Pendurado e o Chamado às Raízes

    Um dos arquétipos que eu mais gosto é o Pendurado, a carta 12 do Tarot de Marselha. “Le Pendu” aparece com um homem de cabeça para bai...