30 de set. de 2020

185) A Importância de deixar a Constelação Familiar Atuar

 


Para que a Constelação Familiar atue, é importância deixar a sua Constelação seguir, sem sabotá-la com explicações. Há dois movimentos básicos e inseparáveis na natureza:

Criativo

Receptivo

Cada um tem o outro como potencial dentro dele, gestando e esgotando um ao outro até se anularem na morte.

Eles atuam sem nossa interferência, mas podemos ressoar com eles.

Se queremos criar, aguardamos o receptivo expandir a “#TAO” ponto que a necessidade de equilíbrio estabeleça o criativo por si mesmo.

Se queremos contrair, expandimos. Se queremos podar, florescemos. E se queremos um passo novo, não nos mexemos até o caminho certo aparecer. Não é assim que depois do limbo ressurgimos?

Se forçarmos qualquer movimento começam os problemas. No corpo, eles aparecem no sono que busca a vigília que busca o sono que busca a comida que busca ...

Por isso, nos exercitarmos até aqueles exercícios não terem mais efeitos. Ou deixamos uma postura ativar o movimento perdido, como faz o yoga. Na Alma também é assim. Como observamos na Constelação, a alma não está dentro da gente. Nós pertencemos a ela, como pontos da grande trama do Tear Universal.

Se um ponto é excluído, remenda-se com outro lá da frente, sem a gente nem saber que é o novo ponto emaranhado numa parte da trama que não é nossa.

Até que a trama original recoloque o ponto perdido, o substituto não consegue voltar ao seu lugar.

Não podemos tecer ativamente pontos da alma que não são nossos, buscando explicações e análises exaustivas (criativo).

Mas podemos deixar a trama oculta se revelar. Sermos receptivos a ela, até que o criativo surja e, sem nossa intenção, nos leve à uma solução, que retomará o movimento perdido.

A Alma sabe caminhar dali em diante em nós, sem a nossa interferência, porque o criativo/receptivo também estão nela.

Não precisamos saber como um osso se une, depois de quebrado, para se curar. Só precisamos juntá-los novamente e deixar o movimento seguir em frente sem interferir.

Se mexemos antes do tempo, vai quebrar de novo.

Com a Alma também é assim. Só precisamos do passo essencial que a #ConstelaçãoFamiliar revela, sem explicações do que veio antes ou do que vem a seguir.

Por favor, se você copiar e divulgar qualquer texto deste blog, coloque a minha autoria: Mônica Clemente (Manika). Obrigada!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

200) Um Ingrediente Pouco Compreendido do Sucesso

  Tem um ingrediente importantíssimo para o sucesso, pouco falado e compreendido.   Na Constelação Familiar sabemos que o “Sucesso é o R...