24 de jun. de 2020

155) Carícia é o Ar que a Vida Respira




Yemanjá pediu carícias do mar. Ele deu, ele deu! O oceano também quis e ela retribuiu. Foram tantas trocas de amor que o Céu aprendeu e, do nada, molhou as plantas, que deram frutos que coloriram o planeta.

Nunca, nenhum deles, deu menos do que podia com medo de ficar submisso.  Ou controlou os afetos com a intenção de gerar carências. 

Um dia, o fotógrafo @clarklittle resolveu nos dar momentos de pura beleza e a paisagem correspondeu. Do outro lado do mundo um desconhecido curtiu a poesia dele, uma mulher acolhia a manhã, um pai semeava a terra e as crianças dividiam o pão. 

Trocas de afeto é o ar que a vida respira. Um humano se torna humano quando pede, doa e incentiva estas carícias. 

#EconomiaDeAfetos #Carícias #Felicidade #Okeidade #EricBerne


Nenhum comentário:

Postar um comentário

180) Os Estágios da Anima e do Animus

  Reconhecemos um navio porque ele já estava na gente como modelo. Da mesma maneira, um homem enxerga uma mulher, e vice-versa, com modelo...