25 de fev. de 2020

118) Dar e Receber - A terceira ordem do Amor




   A segunda #ordemdoamor descoberta por #BertHellinger é a hierarquia (#precedência e #prioridade), que mantém o #amor fluindo. Este princípio se alinha com a terceira ordem: equilíbrio entre dar e receber. Os #pais chegaram primeiro e trazem nossa vida, como a cachoeira cria o rio. A vida que deram não se retribui diretamente, e não deve ser cobrada por eles tampouco. Quando chega a hora de servirmos à vida, gerando e cuidando dos #filhos, ou com ações e ou com o trabalho que faremos, retribuímos o que recebemos e até um pouco mais.

Se os pais nos cuidaram, deram mais ainda. Se os pais dão demais quando já não precisamos, no entanto, nos devoram. Se cobramos o que já podemos nos dar, enfraquecemos. Se não aceitamos a ajuda necessária para crescer, empacamos. Se não reconhecemos e não agradecemos, não atraímos #sucesso. Se os pais cobram o que deram, aprisionam.

Já na relação de iguais, como no #casamento, as trocas têm que ser #equilibradas. Se um tem 10 para dar e outro 5, o de 10 pode dar tudo de vez em quando, mas não sempre. E o de 5, se aceitar receber mais de vez em quando, deve se precaver da inveja que pode sentir ou da vontade de ir embora por se sentir menor. A pessoa que dá 10 deve se precaver do poder que sente por ter mais, além de aceitar que receber sem invejar é força. Se os dois têm o mesmo para dar, e um dá mais e o outro menos, devem avaliar se aceitam esta troca desigual ou se saem da #relação.

Por exemplo, se uma das pessoas está presa num #emaranhamento e a outra precisa caminhar e dar mais para ela durante um tempo, a que dá mais investe no parceiro. Se a outra pessoa que recebeu conseguir se soltar do que a prendia e retribui ao parceiro o que ganhou, a relação se mantém. Se ele não se soltar ou não quiser/puder retribuir, a relação quebra, mesmo que haja amor. Não há problema em não dar o que não se tem ou o que não se quer dar, o problema é não ser fiel ao que se quer numa relação de casal, lembrando que ninguém precisa atender nossas expectativas, mas também não precisamos ficar com quem não tem o que trocar que é vital para gente.


Devemos nos perguntar: já tomei e reconheço o que recebi dos meus pais? Se sim, transbordo para atrair relações (tenho o que dar e sei receber). Sei o que posso dar e quero receber numa parceria? Sou fiel a isso ou cobro de quem não pode me dar o que necessito porque tenho medo continuar procurando?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

212)As Três Consciências descobertas por Bert Hellinger na Constelação Familiar

  A fenomenologia é uma filosofia nascida com a seguinte pergunta: o que é Consciência?    Para alguns, a consciência é o que conhecemos...